Receios em relação à economia geram crise no setor de saúde

 

A divisão massiva de classes revelada no Edelman Trust Barometer 2023: Navegando em um Mundo Polarizado também tem se manifestado no setor de saúde. A desigualdade de rendas está criando duas experiências diferentes em relação à saúde.

Com mais pessoas relatando uma distância entre o quanto estão cuidando de sua saúde e o quanto deveriam estar, os custos permanecem como a maior barreira para uma saúde melhor, com a inflação sendo o principal fator social impactando negativamente a saúde das pessoas.

Líderes institucionais – de prestadores de serviço no setor a CEOs – devem avaliar essa tensão como uma oportunidade para promover ações que reduzam as desigualdades no setor, alavancar a dispersão de autoridade, investir na saúde dos colaboradores e otimizar os negócios ao redor dela.
 

 

Cuidar da própria saúde parece estar cada vez mais fora de alcance

 

Globalmente, 52% consideram que há uma lacuna significante entre como estou cuidando da minha saúde e como eu deveria cuidar, um crescimento de 14 pontos em relação ao ano anterior.

2022 TIH

Menos de 1% dos entrevistados afirmam que ser saudável tem a ver apenas com a saúde física

 

As pessoas pensam na própria saúde de forma mais expansiva, considerando os diversos fatores que contribuem para que se sintam saudáveis. O maior destaque é que a importância da saúde mental quase se equipara a da saúde física.

 

Saúde mental

Sentir-me feliz
Conseguir administrar emoções negativas

 


Saúde física

Conseguir realizar atividades importantes
Não ter doenças ou lesões
Conseguir administrar minha saúde


Saúde social

Ter uma pessoa com quem possa conversar abertamente
As pessoas se importam comigo
Não sofrer discriminação


Condições de vida na comunidade

Comunidade limpa, segura e pacífica
Planeta saúdavel

 


 

Inflação no topo da lista de fatores que nos deixam doentes

 

Na maioria dos mercados pesquisados, a inflação e os últimos anos de restrições na pandemia são os principais fatores sociais que impactam negativamente na saúde das pessoas.

Principais fatores que impactam na saúde

  Posição #1     Posição #2

  Inflação Restrições da pandemia Falta de confiança Poluição Polarização Burnout
Brasil        
Canadá        
China        
França        
Alemanha        
Índia        
Japão        
México        
Nigéria        
África do Sul        
Coreia do Sul        
Reino Unido        
Estados Unidos        

Navegando em uma crescente crise no setor de saúde

 

 

1

Reduza as desigualdades na saúde

O custo é o maior impedimento para que as pessoas sejam tão saudáveis quanto querem ser. Trate as questões e iniquidades sociais que afetam desproporcionalmente quem tem menos acesso à assistência à saúde.

 

 

2

Empresas devem continuar liderando

Com uma percepção mais abrangente do que é saúde, empresas têm um papel essencial em atuar em colaboração com outras instituições para tratar dos fatores sociais que afetam nossa saúde.

 
 

3

Invista na saúde dos colaboradores

Os colaboradores se beneficiam muito quando seus empregadores investem em seu bem-estar. Torne isso parte de sua estratégia de recursos humanos, especialmente em relação a pessoas no início da carreira e a membros das equipes da linha de frente.

 

 

 

Metodologia

Pesquisa conduzida: 2 de Março a 13 de Março de 2023.

13

Países

12,785

Entrevistados

± 1,000

Entrevistados/Países

Como isso impacta sua empresa?

Entre em contato para saber mais sobre o Edelman Trust Barometer